Numa realização da Sociedade Portuguesa de Neurologia, irá decorrer a 27 de Outubro próximo um Curso de Movimentos Oculares.
 
Este curso é dedicado a clínicos que lidam com doentes com perturbação dos movimentos oculares e contará com a participação de especialistas internacionais e nacionais, incluindo os Drs. David Zee e Daniel Gold (John Hopkins Hospital, EUA), e os Drs. Eric Eggenberger (Mayo Clinic, EUA), Wayne Cornblath (Kellogg Eye Center, EUA) e João Lemos (CHUC, Portugal). O curso será híbrido, com uma componente prática no período da manhã e sessões interativas teóricas com vídeos no período da tarde.
 
Os participantes inscritos tanto podem descolar-se no dia ao local do Congresso (no Algarve) e assistir e participar na parte prática do exame de manhã e assistir no local, à tarde às apresentações (maioritariamente zoom) que serão mostradas num écran, como também podem assistir a todo o curso online através do zoom, se preferirem.
 
Para a inscrição no curso, clique no botão, onde podem escolher a opção - inscrição só no curso de movimentos oculares para não sócios da sociedade portuguesa de neurologia.
 
INSCRIÇÃO

Vítima de COVID-19, com 67 anos, faleceu Giorgio GUIDETTI. Presidente da Sociedade Italiana de Vestibulogia e, entre muitas instituições científicas, membro da Société Internationale d’OtoNeurologie.

Nessa qualidade organizou em 1983, em Modena, o 23º Symposium da SIO, que foi um marco não só do ponto de vista científico como de elevação cultural. Lembramo-nos da presença de Luchino Pavarotti que, no banquete da reunião interpretou algumas árias que deslumbraram os congressistas.

Da abundante bibliografia que nos legou, destaque para as áreas de Reabilitação Vestibular e Posturografia. Alguns artigos, que merecem referencia: “The Association Between Benign Paroxysmal Positional Vertigo and Autoimmune Chronic Thyroiditis Is Not Related to Thyroid Status”;The Recurrences of Paroxysmal Positional Vertigo”;” Paroxysmal Positional Vertigo and Labyrintholithiasis. Certainties and Doubts”

A pandemia tem impedido muitas das reuniões presenciais, tão importantes não só na transmissão de conhecimentos como do reforço de laços pessoais. Oxalá que a situação sanitária permita o restabelecimento destes encontros. Uma outra referencia para um site que deve merecer a nossa atenção https://gdrvertige.com.

Não se trata apenas de escrever um obituário, que testemunhe a importância do seu trabalho pedagógico no ensino/aprendizagem da Otoneurologia. Mas, também, salientar a nossa gratidão e a profunda mágoa pelo seu desaparecimento. Espírito aberto, inovador, assertivo, disponível. E um Amigo, que nos deixou. 
 
O nosso Curso de Exploração Funcional Vestibular, recentemente desaparecido, foi uma mais-valia. Vocacionado para a formação pré e pós-graduada, não só de médicos como de outros profissionais de saúde, na sua extensão e qualidade, foi único em língua portuguesa e até em todo o mundo.  Das circunstâncias desse desaparecimento, remetemo-los para o que está escrito noutro local, até pelo próprio Prof. A. A. Fernandes, já doente.  A maior homenagem que lhe podemos fazer é recuperar o Curso, atualizá-lo e disponibilizá-lo em inglês. Eram (e são) os propósitos dos autores.
 
António Augusto Fernandes foi CEO da Distance Learning Consulting (DLC), empresa nascida em 1998, responsável pela formação de largas centenas de milhares de profissionais de múltiplas áreas do conhecimento – seguros, marketing, línguas, saúde, gestão, etc. O que caracteriza este tipo de Ensino é o recurso às novas tecnologias de Informação e a Educação a Distância. 
Da sua formação Académica destaque para o Doutoramento em Ciências da Educação, diploma de Estudos Avançados em e-Learning aplicado aos Estilos e Aprendizagem e a Inteligência Emocional, Mestrados em Psicologia Educacional e em Ciências de Educação.
Entre muitas outras atividades desenvolvidas, foi Professor Universitário e Diretor Executivo do Instituto de Ensino e Formação a Distância da Universidade Católica.
 
F. Vaz Garcia

 

Caros amigos,

Em primeiro lugar, e mais importante que tudo, espero que todos se encontrem bem.
Apesar de estarmos a passar uns meses pouco habituais, a APO tem procurado respeitar as atividades que se propõe, procurando assim manter a divulgação, a formação e a discussão de temas científicos na área da otoneurologia.
A Reunião de Inverno da APO é já um hábito, tendo vindo a revelar-se um encontro enriquecedor e proveitoso, não apenas em termos científicos, mas também em termos sociais.
Dadas as restrições em vigor, mas com o desejo de manter esta tradição, decidimos organizar, em formato virtual, uma reunião, no dia 20 de Março.
O tema da Reunião de Inverno será dedicado a “Controvérsias na Doença de Ménière”, tema com que esperamos provocar uma discussão ativa. (junta-se o programa abaixo)
Este ano, existiu a possibilidade de poder contar com a participação de um convidado de indiscutível prestígio, o Prof Doutor Michael Strupp, que nos apresentará uma palestra dedicada à Doença de Ménière, certamente uma mais valia para todos.
Mais próximo da reunião será enviado o link de ligação a todos os convidados.
Assim, e apesar de todas as limitações, esperamos continuar com uma Associação viva e ativa, procurando responder aos princípios que sempre motivaram a sua existência.
Esperando contar com a vossa presença e participação, me despeço.
 
Um abraço,
 
Pedro Marques
(Secretário-Geral da APO)
 
 
 

 

 

Faça-se membro

Faça-se membro
e junte-se à equipa!